Diretor de Scalebound pede desculpas ao público após cancelamento do jogo

scale
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O diretor da Platinum Games, Hideki Kamiya, usou o Twitter para se desculpar pelo cancelamento de Scalebound. O jogo que era exclusivo do Xbox One teve seu cancelamento anunciado na segunda-feira pela Microsoft.

“Como vocês já devem ter ouvido, Scalebound foi infelizmente cancelado. Lamento muito a todos que estavam ansiosos por este jogo”, tuitou o produtor japonês, que prometeu se empenhar mais no futuro para não decepcionar o público novamente.

“Desculpe trazer-lhes notícias tão ruins no início do ano. Tudo o que posso fazer por vocês é prometer continuar oferecendo jogos divertidos. Vou trabalhar mais duro para nunca ter que desapontá-los assim novamente, então eu espero que vocês continuem nos apoiando no futuro também”.

Kamiya ainda comentou que recebeu algumas mensagens hostis do público, mas também muitas de apoio.

Scalebound foi mostrado em público pela última vez na feira Gamescom em agosto. Logo após o evento, a Platinum Games teria dado um mês de férias aos principais membros do projeto por conta de excesso de trabalho e pressão envolvida no desenvolvimento. Quando eles voltaram, o desenvolvimento havia saído do cronograma e a Microsoft avaliou que não seria possível continuar a produção.

Um dos raros exclusivos japoneses do Xbox One, Scalebound seria uma variação do estilo de ação e luta frenética que consagrou Hideki Kamiya após jogos como Bayonetta e Metal Gear Rising. O jogo deveria sair no final de 2016, mas havia sido adiado para algum dia de 2017.

TTT